O cérebro de cada signo

Descubra, com esta brincadeira divertida, as características marcantes de cada signo, conforme o seu cérebro. Divirta-se!!

Cérebro do Aquariano:

aquario

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pela obediência, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Ariano:

aries

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pelo controle emocional, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Canceriano:

cancer

obs.: as glândulas lacrimais são ativadas por todas as áreas neuronais, sendo impossível mapear um ponto específico do cérebro;

Cérebro do Capricorniano:

capricornio

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pelo apego, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Escorpiano:

escorpião

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pela desistência, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Geminiano:

gemeos

obs.: a glândula descoberta no cérebro geminiano a qual suas conexões enviam felicidade e recebem tristezas, ocasionando confusão de sentimentos numa mesma área cerebral;

Cérebro do Leonino:

leao

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pela modéstia, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Libriano:

libra

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pela verbalização da palavra “não”, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Pisciano:

peixes

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pela praticidade e frieza, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Sagitariano:

sagitario

obs.: as glândulas responsáveis por noção de grandeza apresentam distorções em suas conexões, tornando as coisas exageradamente maiores do que efetivamente são;

 

Cérebro do Taurino:

touro

obs.: não foi possível pontuar a glândula responsável pela flexibilidade, devido a mesma ser demasiadamente pequena, só podendo ser vista através de um microscópio eletrônico;

Cérebro do Virginiano:

virgem

obs.: todas as glândulas cerebrais estão organizadas para a única finalidade de tornarem-se úteis em algo ou para alguém;

 

 

Fonte: osegredo.com.br

 

As cores dos alimentos e seus benefícios

É possível identificar substâncias presentes na alimentação pela cor de cada um deles. A cor do acoresss2limento representa a predominância de certos nutrientes e ou fitoquímicos, ou seja, o princípio ativo contido no alimento capaz de trazer benefícios e prevenções das doenças.

Quanto mais cor houver no prato seu prato, mais tipos de substâncias que ajudam a combater os radicais livres vão ser ingeridas, pois cada alimento nos dá um tipo diferente de antioxidante. O ideal é que se atinja no mínimo de 3-4 cores diferentes nas refeições principais como café da amanhã, almoço e jantar.

coresss4É importante evitar a monotonia das cores. Caso já tenha pego uma folha verde escura, não perca tempo se esforçando para pegar outra. Tente acrescentar cores e não quantidades no seu prato. Ao final da montagem do prato certifique-se que as cores estão variadas, além de mais nutritivo, as cores deixam o prato mais atrativo.

Fique atento aos benefícios de cada cor:

coresss3

Os alimentos laranja (cenoura, abóbora, batata doce, manga, tangerina), são ricos em vitamina A, vitamina C, betacaroteno assim como alguns fitoquímicos chamados de bioflavonóides, excelentes no auxílio de retenção hídrica e nos processos inflamatórios. A vitamina C atua como antioxidante e ajuda na síntese do colágeno da pele.

Já os amarelos são ricos em vitamina A e antioxidantes como betacaroteno e luteína. Eles são ótimos para ajudar na manutenção dos tecidos e dos cabelos, além de beneficiar a visão noturna e aumentar a imunidade do organismo.

coresss5“Tente acrescentar cores e não quantidades no seu prato”.

A vitamina C também está presente nos alimentos amarelos, e atua como antioxidante e ajuda na síntese do colágeno da pele. Dos alimentos amarelos, podemos destacar o abacaxi, ameixa, caju, carambola, damasco, mamão, milho, pimentão amarelo, melão, limão e grapefruit. O pimentão, tomate, beterraba, repolho roxo, maçã, morango, uva vermelha, melancia e cereja estão na classificação dos alimentos vermelhos e apresentam antioxidantes como o licopeno e a vitamina C. Ainda apresentam flavonóides, que são fitoquímicos antioxidantes que ajudam a prevenir as doenças crônicas como diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares.

Os alimentos vermelhos atuam na proteção contra diversas doenças e o stress. Além dos citados acima, podemos destacar também o caqui, framboesa, goiaba, pitanga e romã.

Para o espinafre, uva verde aspargos, brócolis, repolho, escarola e kiwi, que são os alimentos verdes, destaca-se a quantidade de clorofila, que é um potente energético celular, betacaroteno e luteína, ambos antioxidantes, folatos, vitaminas C e E, cálcio, ferro e potássio.

Outros alimentos, alémcoresss1 dos citados acima que podem ser destacados são: a acelga, alface, repolho, salsa, agrião, chicória, couve, rúcula, pimentão verde, manjericão, abacate, abobrinha, quiabo, vagem, ervilha, limão e pepino.

Por fim, temos os alimentos brancos, que são ricos em substâncias antiflamatórias, antifúngicas e antitumorais (protegem contra cânceres).

Além disso, possuem substâncias como os compostos organossulfurados. Os alimentos que podem ser destacados são o alho e a cebola, que são da família das liláceas.

Analgésicos Naturais

“De médico e de louco cada um tem um pouco” é o que diz o ditado popular. Muito constantemente nos automedicamos, mas saiba que abusar dos analgésicos pode causar sérios danos ao seu corpo. Portanto, a natureza pode lhe fornecer diversos analgésicos naturais para substituir os remédios que, muitas vezes, custam bem caros. Estes alimentos trazem a cura natural e podem ser usados para tratar vários tipos de dor.

Gengibre: Dor muscular

Pesquisadores descobriram que o consumo regular de gengibre diminui as dores crônicas musculares e de articulações, bem como o inchaço e a rigidez. Isso acontece por que o gingerol, seu principal componente, inibe a produção de hormônios que causam a dor. Uma colher de chá de gengibre seco ou duas de gengibre fresco por dia já são o suficiente. Também dê uma olhada neste link para outras dicas de tratamento de dores musculares.

gengibre

Cravo: Dor de Dente

O cravo em pó é um excelente remédio caseiro contra dores de dente e gengivite. Além disso, uma recente pesquisa da Universidade da Califórnia provou cientificamente que o seu ingrediente ativo, o eugenol, é um ótimo anestésico. A quantia de ¼ de colher de chá de cravo em pó também ajuda a manter o seu coração saudável, estabiliza a glicose no sangue e diminui o colesterol.

cravo

Vinagre de Maçã: Refluxo e Acidez

Se você constantemente sofre de azia, o vinagre de maçã pode lhe ajudar. Seus ingredientes ativos, o ácido málico e ácido tartárico, aceleram a digestão e ajudam o seu corpo a sintetizar gorduras e proteínas. Uma digestão mais veloz diminui as chances do estômago encher-se de ácidos que causam o refluxo e a azia. Adicione uma colher de sopa de vinagre de maçã a um copo de água e beba antes da refeições.

vinagre maca

Alho: Dor de Ouvido

Frequentemente chamado de “antibiótico da natureza”, o alho possui também diversas qualidades anti-inflamatórias. Especialistas da Faculdade de Medicina do México dizem que duas gotas mornas de óleo de alho pingadas no ouvido podem curar uma infecção em apenas cinco dias. O alho contém minerais como selênio, germânio e súlfur, todos tóxicos para a maioria das bactérias. Para fazer seu próprio óleo de alho, cozinhe em fogo baixo (não ferva) 3 dentes de alho em meia xícara de azeite de oliva por dois minutos. Filtre o óleo e use-o como descrito acima (certifique-se de que não está muito quente). Ele pode ser guardado na geladeira por até duas semanas.

alho

Cerejas: Dor de Cabeça e Articulações

Na Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, descobriu-se que o consumo de cereja é extremamente benéfico às pessoas que sofrem de dores de cabeça e inflamações nas articulações. A antocianina é o pigmento que dá às cerejas sua forte cor vermelha, e tem um poder anti-inflamatório dez vezes maior que o ibuprofeno ou a aspirina. Ela paralisa as enzimas que causam a inflamação de tecidos, fazendo das cerejas um excelente tratamento. O ideal é consumir 20 cerejas por dia.

cereja

Peixe: Dor de estômago

Indigestão, SCI, gastroenterite – todas elas podem ser tratadas comendo peixe. Muitas pesquisas já mostraram que o Ômega-3 encontrado no peixe pode reduzir as cólicas estomacais e gastroenterite. Em alguns casos, o Ômega-3 é tão eficiente quanto medicamentos prescritos por um médico, devido às suas propriedades anti-inflamatórias. Meio quilo de peixe por semana é o suficiente para manter a saúde do estômago, e os mais ricos em Ômega-3 são o salmão, o atum, a sardinha e a truta.

peixes

Iogurte: TPM

Oitenta por cento das mulheres sofrem de dores relacionadas à TPM. Isso ocorre por causa da sensibilidade do sistema nervoso às mudanças nos níveis de estrogênio e progesterona. Um estudo da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, descobriu que duas porções de iogurte por dia podem diminuir a intensidade das cólicas menstruais em até 50%. O iogurte é rico em cálcio, um mineral que naturalmente acalma o sistema nervoso, prevenindo os dolorosos sintomas das mudanças hormonais.

iogurte

Açafrão-da-terra: Dores Crônicas

O açafrão-da-terra é três vezes mais poderoso que o ibuprofeno, a aspirina e o naproxeno. Pesquisadores da Universidade de Cornell descobriram que ele pode diminuir em até 50% a dor em casos de artrite e fibromialgia. Seu ingrediente ativo, a curcumina, paralisa as enzimas eu causam dor severa. A quantia de ¼ de colher de chá de açafrão-da-terra todos os dias irá reduzir consideravelmente a sua dor crônica.

Açafrão

Aveia: Endometriose

A endometriose ocorre quando o tecido que deveria crescer dentro do útero cresce fora, causando uma dolorosa inflamação que dura diversos dias após a menstruação. Felizmente, uma dieta rica em aveia pode reduzir as dores em até 60% dentro de seis meses. Diminuir a quantidade de glúten na alimentação também pode ajudar muito.

aveia

Sal: Unha Encravada e Dor de Dente

A unha encravada é um problema que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Felizmente, ela é facilmente tratada com água salgada. Pesquisadores da Universidade de Stanford descobriram que banhar os pés em água salgada pode curar as infecções causadas pela unha encravada em apenas 4 dias, pois o sal é bactericida e anti-inflamatório. Adicione uma colher chá de sal para cada xícara de água morna e banhe os pés duas vezes ao dia até que a infecção sare. Além disso, dentistas recomendam fazer um gargarejo de água e sal para prevenir gengivite e curar infecções na garganta.

sal

Abacaxi: Indigestão

O abacaxi, esta deliciosa fruta tropical, é rico em enzimas que fazem a quebra de proteínas. Estas enzimas ajudam o corpo no processo de digestão, reduzindo as dores relacionadas ao acúmulo de gases. Uma xícara de abacaxi fresco por dia alivia as dores causadas por gases em apenas 72 horas.

abacaxi

Menta: Dores Musculares

Espasmos musculares podem doer por meses, principalmente se a rigidez é resultado de uma postura incorreta ou excesso de esforço. Um banho quente com 10 gotas de óleo de menta, 3 vezes por semana, é 25% mais eficaz do que medicamentos receitados. A água quente ajuda a relaxar os músculos e o óleo de menta alivia o sistema nervoso. Este tratamento também ajuda a reduzir a frequência de dores futuras.

menta

Uvas: Dor nas Costas

Em um estudo da Universidade de Ohio, pesquisadores descobriram que uma xícara de uvas frescas por dia pode ajudar a circulação do sangue nos tecidos das costas em poucas horas. A coluna depende do oxigênio e nutrientes no sangue, portanto comer uvas é altamente benéfico.

uva

Água: Dores Relacionadas a Contusões

A boa e velha H2O. Um estudo da Faculdade de Manhattan, em Nova York, descobriu que a água é muito eficiente no tratamento de dores causadas por contusões. Quando o tecido corporal está danificado, ele produz um composto químico chamado histamina, que causa dor. A água dilui a quantidade de histamina no sangue, evitando a dor, além de ser essencial para a saúde das cartilagens entre os ossos. Um corpo bem hidratado é uma máquina bem lubrificada – beba oito copos por dia!

agua

Armorácia (Raiz-Forte): Dor de Sinusite

A sinusite é uma doença crônica que afeta milhares de pessoas. Ela é uma infecção das cavidades no crânio, que causa fortes dores no rosto, dores de cabeça e até problemas respiratórios. Pesquisadores alemães descobriram que a armorácia pode aumentar o fluxo de sangue até estas cavidades, descongestionando-as e drenando as obstruções que causam a infecção. Ingira uma colher de chá da raiz até que seus sintomas despareçam.

Armorácia

Mel: Infecções Orais

Especialistas do Centro de Saúde de Dubai recomendam tratar aftas, feridas e outras infecções bucais com mel. Ele contém enzimas anti-inflamatórias que destroem vírus e aceleram o processo de cura. É recomendado aplicar mel não pasteurizado diretamente nas feridas, quatro vezes ao dia. O processo de cura levará 43% menos tempo do que leva em tratamentos convencionais.

mel

Semente de Linho: Dores nos Seios

Sementes de linho contém fitoestrógeno, um composto que previne a mudança nos níveis de estrógeno que causam dores em mulheres. Adicione três colheres de sopa de sementes de linho à sua dieta (você pode misturá-las a um suco natural). Isso reduzirá consideravelmente a dor em até 12 semanas.

linho

Café: Enxaquecas

Quem sofre de dores de cabeça crônicas ou enxaquecas podem usufruir dos benefícios do café. A cafeína melhora a habilidade estomacal de absorção de medicamentos, aumentando sua eficiência em 40%. Se você toma medicamentos para a dor de cabeça, tome com café.

cafe

Suco de Tomate: Câimbras Musculares

Nossos músculos tendem a espasmar quando nosso corpo não possui potássio o suficiente. Diuréticos ou suor excessivo podem causar a deficiência de potássio, um mineral essencial para a saúde dos nossos músculos. Um estudo feito na Universidade da Califórnia descobriu que um copo de suco de tomate por dia pode aliviar as câimbras e prevenir ocorrências futuras, graças ao seu alto teor de potássio.

tomate

Fonte: Tudoporemail: saúde e bem-estar

Fibromialgia

Fibromialgia é uma desordem que causa dor muscular e fadiga. Pessoas com esta doença tem “pontos sensíveis” no corpo, que são lugares específicos no pescoço, ombros, costas, braços, quadril e pernas. Esses pontos doem quando pressionados. fibro

Também é comum aparecerem outros sintomas como:
* Problema para dormir.
* Falta de flexibilidade pela manhã.
* Dores de cabeça.
* Ciclos menstruais dolorosos.
* Formigamento ou falta de sensibilidade nas mãos e pés.
* Problemas de raciocínio e memória.

 As  causas da fibromialgia são desconhecidas. Há vários fatores envolvidos. Fibromialgia tem sido relacionada a:
* Eventos estressantes ou traumáticos.
* Lesões repetitivas.
* Certas doenças.

Fibromialgia também pode acontecer por si mesma. Alguns cientistas acreditam que um gene, ou genes, poderiam ter envolvimento sobre a fibromialgia. Os genes poderiam fazer a pessoa reagir fortemente a coisas que outros poderiam não achar doloroso.fibro3A maioria das pessoas com fibromialgia são mulheres. Porém, homens e crianças também podem ter essa desordem. A maioria das pessoas é diagnosticada durante a meia idade.

Fibromialgia também pode ser de difícil tratamento. É importante encontrar um médico que seja familiarizado como a fibromialgia e seu tratamento. Reumatologistas poderiam tratar a fibromialgia.

O tratamento geralmente requer abordagem de equipe, que pode incluir seu médico, um fisioterapeuta e possivelmente outro profissional da saúde. Uma clínica de dor e reumatismo poderia ser um bom lugar para obter tratamento. Os médicos podem tratar a fibromialgia com remédios aprovados para outros propósitos. Remédios para dor e antidepressivos são geralmente usados no tratamento.fibro2Há muitas coisas que você pode fazer para sentir-se melhor, incluindo:
* Tomar os remédios como prescrito.
* Ter um sono suficiente.
* Praticar exercícios físicos regularmente.
* Alimentar-se bem.
* Fazer mudanças no seu trabalho, se necessário.

A dor da fibromialgia é real. Vários estudos experimentais avançados, que mostram o cérebro funcionando, mostram que os pacientes com fibromialgia estão sentindo dor e, além disso, que sentem mais dor do que pessoas sem fibromialgia. Também foram feitos estudos com o líquido que banha a medula e o cérebro (líquor) e foi visto que as substâncias que levam a sensação de dor para o cérebro estão de três a quatro vezes aumentadas em pacientes com fibromialgia, em comparação com pessoas sem o problema.
cdcfdTanto pacientes quanto médicos parecem entender melhor as causas de dor quando existe uma inflamação, um machucado, um tumor, que estão ali, visíveis, causando a dor. Na fibromialgia é diferente; se tirarmos um pedaço do músculo que está doendo e olharmos no microscópio, não encontraremos nada – porque o problema está somente na percepção da dor.

O diagnóstico da fibromialgia é clínico, isto é, não se necessitam de exames para comprovar que ela está presente. Se o médico fizer uma boa entrevista clínica, pode fazer o diagnóstico de fibromialgia na primeira consulta e descartar outros problemas. O melhor profissional para avaliar o paciente com fibromialgia é o reumatologista, pois ele é treinado para fazer o diagnóstico das doenças que acometem os músculos e as articulações, não deixando passar doenças que possam ser confundidas com fibromialgia.images

A depressão está presente em 50% dos pacientes com fibromialgia. Isto quer dizer duas coisas:

1) a depressão é comum nestes pacientes

2) nem todo paciente com fibromialgia tem depressão.

Isto é importante, pois por muito tempo pensou-se que a fibromialgia era uma “depressão mascarada”. Hoje, sabemos que a dor da fibromialgia é real, e não se deve pensar que o paciente está “somatizando”, isto é, manifestando um problema psicológico através da dor.
Por outro lado, não se pode deixar a depressão de lado ao avaliar-se um paciente com FM. A depressão, por si só, piora o sono, aumenta a fadiga, diminui a disposição para o exercício e aumenta a sensibilidade do corpo. Ela deve ser detectada e devidamente tratada, se estiver presente. Muitos pacientes pensam que o tratamento da dor crônica melhorará a depressão, já outros pensam que o tratamento da depressão melhorará a dor. Tanto a dor quanto a depressão devem ser tratadas de maneira independente, e o tratamento de ambas trará benefícios para o paciente.

22

Como é viver com fibromialgia?

Dor, fadiga, inônia, enxaquecas, intestino irritável, hipersensibilidade, depressão, suores, pânico, engora-emagrece, ATM, dormências, problemas cognitivos, ansiedade, caibras, fraqueza, tendinites, problemas digestivos, alteração de humor, falta de equilibrio, rigidez matinal, expasmos, tonturas, stresse, inchaço, limitação de movimentos, perda de memória.

Acham pouco?

              Imaginem viver com alguns desses             problemas 24 horas por dia..

Mau humor também engorda

Segundo a Universidade de Delaware, nos EUA, o mau humor engorda. O motivo é a falta de perspectiva para o futuro gerada pelo sentimento de frustração. Isso faz com que a pessoa busque uma recompensa imediata, materializando esse sentimento nas mais diferentes guloseimas.

Se você tem a mania de comer besteiras quando está de mal com o mundo, tente substituir as guloseimas por frutas como a banana e cereais como a castanha-do-pará, para não comprometer seu peso e sua saúde nos dias em que aquela nuvem cinzenta ronda sua cabeça.

banana     castanha

A banana e a castanha são alimentos ricos em triptofano, substancia que ajuda na formação de serotonina, o hormônio do bem estar.

E lembre-se: comer também não resolve decepções amorosas. Usar a comida para compensar as decepções vividas nos relacionamentos vai deixar você mais infeliz e insegura para mudar essa história e resolver de verdade os seus problemas. Se quiser realmente mudar, precisa manter o propósito para emagrecer, assim voltará se sentir melhor e mais bonita para recuperar o amor próprio, deixando de ser submissa a um homem que não lhe quer mais.

casal feliz

Encontre motivação para cuidar do corpo e da autoestima e, com isso reavaliar melhor seus sentimentos e descobrir se vale mesmo a pena mantê-los. Isso vai ajudar você a se sentir segura para exigir carinho e respeito do seu parceiro e, se ele insistir no comportamento atual, não tenha medo: você vai estar preparada para um recomeço.

Trabalhar faz muito bem

Para as pessoas que vivem reclamando do trabalho, do chefe, dos colegas, da rotina, saibam que exercer qualquer atividade que seja, pode ajudar a viver mais e melhor. Sem falar de salário.

As vezes, as pessoas não se sentem felizes nos seus trabalhos, mesmo tendo um salário satisfatório.

cansado do trabalho

A ciência desvendou a relação que existe entre saúde e satisfação profissional. Trabalhar com prazer fortalece o sistema imunológico, além de aumentar a auto-estima e dar mais disposição para as tarefas diárias.

Muitos se sentem cansados física e emocionalmente no trabalho. O estresse gerado pelo descontentamento profissional pode desencadear uma síndrome metabólica, um conjunto de problemas que prejudicam o coração, incluindo obesidade, colesterol alto, hipertensão e diabetes.

E não faltam pessoas profissionalmente infelizes. Pesquisa revela que um em cada dez brasileiros se diz deprimido por não gostar do trabalho. Se for o seu caso, vale fazer uma reflexão:

Você já parou para pensar na importância social do seu ofício?

Reconhecer esse valor pode levar a um grande prazer na vida profissional e essa descoberta só depende de você e a situação é bem diferente quando fazemos algo que dá alegria. Quem tem que dar um novo significado ao que faz é nós mesmos. Claro que todos querem uma ocupação rentável, mas se ela for prazerosa, é bem melhor.

trab feliz

Algumas dicas para ser feliz no trabalho:

  • Descubra o que você gosta de fazer;
  • Procure uma atividade que lhe dê prazer;
  • Busque a disposição para realizar suas tarefas;
  • Identifique o valor social do seu trabalho;
  • Perceba que tem outros talentos em você;

Contra a tensão

  • Sinta o seu corpo;
  • Detecte os pontos de nervosismo;
  • Relaxe;

Estes são os pontos importantes da Eutonia, prática que são exercícios simples, massagens e toques variados para adquirir maior consciência corporal e aliviar as tensões musculares.

O contato físico acalma, muda o humor e faz a pessoa refletir sobre as sensações.

dencansando

Esta técnica melhora a respiração, diminui a ansiedade e aumenta a produção de hormônios responsáveis pela sensação de felicidade e prazer. Com isso você se sente mais leve, corrige a postura e consegue melhorar a qualidade do sono.

Sexo afasta o estresse

É verdade que uma boa transa ajuda a dissipar as tensões?

Sim, é verdade. Pesquisadores do Reino Unido concluíram que uma boa maneira de afastar o nervosismo e a ansiedade que costumam dar as caras em momentos de estresse, é fazer sexo um pouco antes de se expor a eles.

casal jovem

Os cientistas mediram a pressão arterial de 46 voluntários incumbidos de falar em público antes e depois da experiência. Aqueles que tiveram relações sexuais antes de enfrentarem a platéia mostraram-se mais calmos e recuperaram os índices normais de pressão rapidamente.

O sexo libera o hormônio oxitocina e estimula alguns nervos, daí o efeito calmante.

Dieta para a cabeça

Você já deve ter ouvido falar da Dieta do Mediterrâneo, conhecida como uma das mais saudáveis do planeta. Além dos efeitos contra as doenças cardiovasculares, este cardápio pode ajudar a barrar males como o Alzheimer.

Após observar os hábitos alimentares de mais de 2 mil pessoas, os pesquisadores descobriram que aqueles que ingeriam generosas porções dos itens dessa dieta todos os dias, corriam menos risco de ter males degenerativos no cérebro.

aliment cerebro

Isso tudo graças ao Selênio, às vitaminas A, E e as fibras.

Sonambulismo

5 são os estágios do sono quando as ondas cerebrais vão diminuindo a intensidade até atingir profundo estado de relaxamento. É no hipotálamo que esta baixa atividade se mantém e no córtex cerebral que controla os movimentos do corpo.

sonamb5

No caso dos sonâmbulos, essas ondas são irregulares e vêm de uma área do cérebro chamada ponte. Por esta razão não cumprem a função de inibir a região motora.

O sonâmbulo pode sentar e andar devido às áreas motoras que permanecem ativas. Já a consciência, localizada no hipotálamo, se mantém quase inativa. Isso é porque a pessoa que tem o distúrbio não percebe o que faz nem se lembra de nada no dia seguinte.